Pare de preencher o seu tempo com coisas que não interessam

Pare de preencher o seu tempo com coisas que não interessam

Para além da permanência da morte e dos impostos, há outra constante na vida – o tempo que tem (e que certamente passará).

Pense em como se sente quando acorda de manhã e abre os olhos? O seu pulso acelera e o seu cérebro começa a ficar louco? Desde os primeiros segundos, começa a pensar em todas as coisas que precisa de fazer hoje. Mas não tem a certeza de ser capaz de fazer tudo, pois não?

Consegue imaginar uma vida feliz, espontânea e real que não só acharia excitante, mas também a que lhe conviria? Um tempo que lhe permitiria libertar-se da sua rotina cinzenta e entrar numa vida diária cheia de cores brilhantes e eventos variados?

Viver a nossa própria vida sem tomar mais parte nela faz-nos ficar presos no nosso corpo. Temos sonhos, aspirações, objectivos, mas não fazemos nada para os alcançar. Permitimos que o medo de possíveis riscos de mudança paralise e controle todos os nossos movimentos. Suprimimos as necessidades internas agindo em esquemas pré-planejados e seguros.

O que fazer? Como podemos mudar este círculo vicioso?

Controlar o seu medo da mudança

Muitas vezes, quando uma pessoa foge do seu medo, pode descobrir que fugir é apenas um atalho para a enfrentar. Se os seus pensamentos sobre mudar de emprego, conhecer novas pessoas ou falar em público o fazem estremecer, é altura de trabalhar sobre os seus próprios medos.

Não experimentará algo novo se não assumir uma nova actividade devido às suas próprias limitações.

Muitas pessoas recusam-se a fazer qualquer coisa só porque pensam que o caminho para um esquema conhecido é muito mais fácil e seguro. E isso é parcialmente verdade. Se seguirmos um caminho já trilhado, saberemos exactamente para onde estamos a ir.

Mas não aceitar desafios por causa de um medo crescente do desconhecido limitará a nossa capacidade de tirar o máximo partido da vida. Também reduzirá o tempo disponível para vivermos muitos momentos fantásticos. Se o medo nos impedir de fazer as coisas que gostaríamos de fazer, onde estaremos no próximo ano, daqui a cinco ou dez anos? Como serão as nossas vidas?

Superar o seu medo do desconhecido transformando novas situações em algo familiar.

Use o seu tempo formatando os seus pensamentos

Já alguma vez disse a si próprio que “não sou suficientemente bom”, “sou gordo”, ou “não sou suficientemente esperto”, ou “não vou conseguir”. Tenho a certeza que sim. Portanto, é tempo de parar de pensar em si próprio de uma forma negativa. É tempo de parar de encher a sua vida com coisas que não importam.

Acredite no seu valor e dignidade, no seu talento, capacidades, e oportunidades que tem pela frente. Acreditem numa vida cheia de amor, alegria e felicidade.

Este tipo de pensamento positivo em termos de planeamento para o futuro tem um objectivo simples. Ao acreditar em si próprio, aumentará significativamente a sua auto-estima, o que o empurrará para a frente em tempos difíceis.

No entanto, se após uma análise aprofundada não encontrar nenhum talento ou aptidão potencial a que possa recorrer, agora é o momento de os encontrar. Não deixe que a vida lhe escape por entre os dedos. Comece a interessar-se por algo, comece a investir no seu desenvolvimento. É claro que nem todos têm de ter um passatempo, mas todos devem ter algumas competências que possam desenvolver.

Envolve-te com as pessoas certas

As pessoas com quem passa a maior parte do seu tempo influenciam de muitas maneiras como pensa, como se comporta e como percebe a realidade à sua volta. Se os seus amigos mais próximos se perdem constantemente em novos dramas, vendo o mundo apenas através do prisma do possível infortúnio, torna-se também sensível às emoções negativas que ocasionalmente surgem à sua volta.

Se quiser ser uma pessoa mais feliz e mais positiva, procure pessoas positivas e de mente aberta que acreditem em si próprias e acreditarão em si.

Tal relação alargará os seus horizontes, dará confiança e coragem para tomar outras decisões.

Desperte a sua criatividade

A criatividade é uma ferramenta poderosa que ajuda todos, desde os pais que tentam encontrar algo novo para inspirar os seus filhos ou o pequeno empresário à procura de uma nova direcção, até ao escritor ou artista preso no preto à procura de inspiração.

Envolva-se com inspiração, novas imagens, ideias. Um ambiente que o possa inspirar irá facilitar o processo de pensamento criativo.

Procure inspiração e inspire outros você mesmo. Não tenha medo de agir e pensar criativamente à medida que se aproxima da beira dos seus limites e limitações interiores.


No more posts
No more posts