Dieta na pielonefrite crônica: o que pode e o que não pode ser consumido?

Aprenda a fazer a dieta certa para a pielonefrite crônica para melhorar a eficácia do tratamento e reduzir o risco de exacerbações. Recomendações sobre a escolha dos alimentos, cardápios semanais e dicas de culinária.

A pielonefrite crônica é uma doença em que o funcionamento dos rins e do trato urinário é prejudicado. Nesse caso, é importante não só tomar os medicamentos corretamente, mas também monitorar a alimentação. Uma dieta adequadamente formulada pode ajudar a reduzir a pressão sobre os rins e o risco de exacerbações.

Uma dieta adequada para pielonefrite crônica deve ser balanceada e conter quantidades suficientes de todas as substâncias necessárias ao organismo. É importante reduzir a ingestão de gorduras, sal e proteínas, bem como aumentar a quantidade de líquidos. Ao mesmo tempo, é necessário excluir da dieta produtos que possam afetar negativamente o funcionamento dos rins.

Para lidar com uma doença tão desagradável, você precisa estar atento à sua dieta alimentar. Nosso artigo lhe dirá quais alimentos comer para ajudar os rins e como é importante evitar certos alimentos. Se você seguir as recomendações, poderá reduzir a pressão sobre os rins e melhorar sua qualidade de vida. Não perca tempo e adira hoje mesmo a um estilo de vida saudável!

Contents
  1. Dieta para pielonefrite crônica
  2. O que é pielonefrite crônica?
  3. Por que a dieta é importante na pielonefrite crônica?
  4. O que posso comer?
  5. O que não devo comer?
  6. Conclusões
  7. Pielonefrite: sintomas e causas
  8. Importância da dieta no tratamento da pielonefrite
  9. Produtos que devem ser removidos da dieta:
  10. Alimentos que podem ser consumidos em quantidades limitadas:
  11. Alimentos que devem ser consumidos:
  12. Alimentos recomendados em pielonefrite crônica
  13. Produtos proteicos:
  14. Vegetais e frutas:
  15. Grãos e legumes:
  16. Gorduras:
  17. Vegetais e frutas em pielonefrite crônica
  18. Quais vegetais são aceitáveis para comer?
  19. Quais frutas podem ser comidas?
  20. Cereais e produtos de panificação em pielonefrite crônica
  21. O que posso comer?
  22. O que não devo comer?
  23. Produtos lácteos e pielonefrite crônica
  24. Produtos proteicos e pielonefrite crônica
  25. Frutos do mar e peixes na dieta com pielonefrite crônica
  26. O que posso comer?
  27. O que devo limitar?
  28. Que benefícios eles trazem?
  29. Óleos e gorduras vegetais na dieta em pielonefrite crônica
  30. Regime de bebida para pielonefrite crônica
  31. Alimentos a serem evitados na pielonefrite
  32. Produtos salgados e defumados
  33. Alimentos fritos em pielonefrite crônica: o que você precisa saber
  34. O que é melhor evitar
  35. O que você pode comer
  36. Recomendações
  37. Comer demais e alimentos gordurosos na dieta para pielonefrite crônica
  38. Comer demais:
  39. Comidas gordurosas:
  40. Vídeo sobre o assunto:
  41. Q & amp; A:
  42. O que posso comer na pielonefrite crônica?
  43. Que álcool é permitido na pielonefrite crônica?
  44. O que não deve ser comido com pielonefrite crônica?
  45. Posso comer alimentos salgados em pielonefrite crônica?
  46. Que tipo de regime de bebida é necessário na pielonefrite crônica?
  47. É possível consumir frutos do mar em pielonefrite crônica?
  48. Que vitaminas e minerais são recomendados para pielonefrite crônica?
  49. Qual é o regime alimentar recomendado para a pielonefrite crônica?
  50. Dieta em pielonefrite crônica: o que você pode e não pode comer
  51. Doces e álcool
  52. Perspectivas para o desenvolvimento de dietética em pielonefrite crônica
  53. Importância da dieta na pielonefrite crônica
  54. Abordagens atuais da dietética na pielonefrite crônica
  55. Dieta individualizada
  56. Dieta balanceada
  57. Controle de calorias

Dieta para pielonefrite crônica

O que é pielonefrite crônica?

A pielonefrite crônica é uma doença infecciosa crônica que afeta os rins e pode causar disfunção renal. Os sintomas podem incluir micção frequente, dor lombar ou abdominal e temperatura corporal elevada.

Que tipo de estilo de vida você leva?
Sedentário (menos de 5. 000 passos)
42, 42%
Sedentário (5. 000 a 10. 000 passos)
45, 45%
Ativo (mais de 10. 000 etapas)
12, 12%

Por que a dieta é importante na pielonefrite crônica?

Uma dieta adequada pode ajudar a reduzir a pressão sobre os rins e melhorar o funcionamento do trato urinário. Pode ajudar a prevenir o agravamento da doença e reduzir o risco de complicações. Pessoas com pielonefrite crônica devem monitorar sua dieta para reduzir a ingestão de alimentos que podem prejudicar os rins.

O que posso comer?

O que posso comer?

Muitos alimentos podem ser benéficos para a pielonefrite crônica. Isso inclui frutas, vegetais, folhas verdes, mingau de trigo sarraceno, ovos, aves, laticínios com baixo teor de gordura, peixe vermelho, nozes e sementes. Também é recomendado beber mais água e chá para ajudar o fluxo da urina com mais facilidade.

O que não devo comer?

Na pielonefrite crônica, evite alimentos que possam enfatizar os rins, como carne, salsichas, alimentos salgados e fritos, chá e café fortes, álcool e bebidas carbonatadas. Você também deve limitar a ingestão de alimentos ricos em proteínas e açúcar, como doces e confeitaria.

Conclusões

A nutrição é uma parte importante do tratamento crônico da pielonefrite. Os pacientes devem ter cuidado com a proteína, açúcar, sal e teor de gordura de sua dieta para reduzir o ônus dos rins. Grande atenção deve ser dada à água potável e consumir vegetais, frutas e vegetais de folhas verdes para fornecer ao corpo vitaminas e minerais suficientes. Também é importante evitar maus hábitos, como fumar e beber álcool para melhorar sua saúde geral.

Pielonefrite: sintomas e causas

A pielonefrite é um processo inflamatório nos rins causado por infecção, que pode ser agudo ou crônico. A pielonefrite crônica se desenvolve quando o processo agudo é constantemente repetido e não é tratado adequadamente. Esse tipo de pielonefrite pode levar a danos graves ao tecido renal e ao desenvolvimento da isquemia.

As principais causas da pielonefrite são a presença de infecção no sistema urinário, defeitos no sistema imunológico, defesa imunológica reduzida, corpo enfraquecido e presença de doenças crônicas do sistema urinário. Os sintomas de pielonefrite crônica podem incluir dor e desconforto na região lombar, fraqueza geral e fadiga, temperatura corporal elevada, náusea e vômito.

É importante saber que a pielonefrite pode causar uma resposta de outros órgãos, como o sistema cardiovascular, que pode causar dor no peito e palpitações.

O tratamento adequado da pielonefrite crônica requer uma abordagem holística que inclua tomar antibióticos e medicamentos anti-inflamatórios, seguir uma dieta e regime de bebida e exercitar e praticar esportes.

Se você suspeitar que está desenvolvendo pielonefrite, visite seu médico e passe aos testes necessários para determinar o diagnóstico e iniciar o tratamento.

Importância da dieta no tratamento da pielonefrite

Na pielonefrite crônica, a dieta é parte integrante do tratamento abrangente. Ajuda a reduzir a carga nos rins e impedir exacerbações da doença. A nutrição adequada facilita o trabalho dos rins e reduz o ônus do sistema urinário.

Uma pessoa doente deve aderir a uma dieta que implica a recusa de pratos gordurosos, salgados, defumados, fritos e doces. Também vale a pena limitar o consumo de laticínios, carne e peixe. Na dieta, é necessário aumentar a quantidade de frutas, vegetais, verdes, cereais e legumes.

É importante perceber que a pielonefrite é uma doença grave que pode levar a complicações. Portanto, a conformidade com a dieta é a base para o tratamento be m-sucedido do paciente. Os médicos recomendam monitorar o nível de cálcio no sangue e comer alimentos ricos nesse elemento.

Produtos que devem ser removidos da dieta:

  • Nozes e lanches salgados
  • Subprodutos de carne gordurosa
  • Iguarias salgadas e fumadas
  • Batatas fritas
  • Comida enlatada
  • Fast food e refeições prontas

Alimentos que podem ser consumidos em quantidades limitadas:

  1. Sal
  2. Leite e produtos lácteos
  3. Manteiga e molhos gordurosos
  4. Carne e peixe

Alimentos que devem ser consumidos:

Alimentos que devem ser consumidos:

  • Frutas e bagas
  • Vegetais e ervas
  • Grãos
  • Leguminosas
  • Legumes e inhames de raiz
  • Peixe e carne com pouca gordura
  • Produtos lácteos azedos

Em conclusão, a nutrição adequada é a base da saúde em qualquer doença. Na pielonefrite crônica, a dieta é uma parte importante do tratamento, o que ajuda a reduzir a carga nos rins e a prevenir complicações. Coma uma dieta variada, moderada e adequada, então seu corpo será a favor!

Alimentos recomendados em pielonefrite crônica

Produtos proteicos:

Para nutrição na pielonefrite crônica, a regulação da ingestão de proteínas é extremamente importante. É necessário reduzir sua quantidade na dieta, mas não os abandone completamente. A principal fonte de proteínas deve ser carnes magras, como frango, peru e coelho. Além disso, é útil consumir queijo cottage magherkogo, iogurte, kefir e ovos.

Vegetais e frutas:

É importante incluir alimentos ricos em vitaminas e minerais em sua dieta: aipo, cebola, ervas, pepinos, abóbora, abobrinha, cenoura, beterraba, pimentão, tomate, maçãs, cranberries e toranja. Esses alimentos contêm antioxidantes que ajudam a prevenir a inflamação nos rins.

Grãos e legumes:

É necessário consumir um grupo de alimentos ricos em carboidratos, como arroz, trigo sarraceno, trigo, milho, aveia. Além disso, é recomendável incluir leguminosas e colheitas de fita, como feijões, ervilhas e lentilhas na dieta. Esses produtos ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue e colesterol

Gorduras:

Na pielonefrite crônica, é recomendável consumir leite com pouca gordura e produtos lácteos – iogurte, queijo cottage, kefir, além de peixes e azeite. Eles contêm ácidos graxos saudáveis que melhoram o fluxo sanguíneo e apóiam o trabalho dos rins e da bexiga.

Vegetais e frutas em pielonefrite crônica

Legumes e frutas na pielonefrite crônica

Quais vegetais são aceitáveis para comer?

A maioria dos vegetais é aceitável na pielonefrite crônica, mas é recomendável prestar atenção à sua quantidade e método de preparação. O uso de repolho cru e pepino fresco deve ser limitado devido ao seu alto teor de ácido, o que pode afetar adversamente o estado dos rins. Mas o repolho cozido na forma de mingau ou purê de batatas e pepinos, fatiado e derramado, pode ser usado sem se limitar em quantidade.

Recomendado para usar vegetais de raiz: cenoura, beterraba, rabanete, bem como abobrinha, abóbora, kohlrabi.

Quais frutas podem ser comidas?

Apesar da opinião generalizada de que o uso de algumas frutas afeta adversamente o estado dos rins, os frutos ainda são uma fonte necessária de vitaminas e elementos de traço.

As bagas mais aceitáveis: mirtilos, framboesas, cranberries, além de maçãs, peras, damascos, pêssegos, laranjas.

Recomend a-se comer frutas frescas ou na forma de compostos. As frutas enlatadas não são desejáveis, porque contêm açúcar e conservantes que afetam negativamente o estado dos rins.

Cereais e produtos de panificação em pielonefrite crônica

O que posso comer?

Os cereais são uma fonte importante de carboidratos, proteínas, vitaminas B e ferro. Na pielonefrite crônica, você pode comer os seguintes cereais: aveia, trigo sarraceno, arroz, milho. É importante que as culturas de cereais sejam saudáveis, por isso é necessário escolher produtos naturais, evitando produtos processados e embalados ativamente.

Os produtos de padaria com pielonefrite crônica devem ter uma certa composição e levar benefícios à saúde. Recomend a-se consumir pão integral, pães ou pães de centeio, biscoitos. É permitido consumir cookies, que contêm menos açúcar e gordura.

O que não devo comer?

Uma dieta não saudável pode levar a problemas de saúde. Na pielonefrite crônica, é necessário evitar alimentos picantes, gordurosos e fritos. Também não é recomendável consumir alimentos que podem causar uma reação alérgica, como corante, conservantes, aromas encontrados em doces e refeições prontas.

É estritamente proibido consumir carboidratos rapidamente digeríveis – doces, bolos, rosquinhas, que contribuem para a deposição de gordura e toxinas no corpo, o que leva à deterioração da função renal. Também não é recomendável consumir alimentos que promovem a retenção de líquidos no corpo – alimentos salgados, chucrute, carne defumada etc.

Produtos lácteos e pielonefrite crônica

Os produtos lácteos são uma das principais fontes de proteínas, cálcio e elementos de rastreamento necessários para o funcionamento adequado do corpo. No entanto, na pielonefrite crônica, o consumo de produtos lácteos pode ter algumas limitações e recomendações.

Primeiro, é importante escolher versões com pouca gordura de laticínios, como leite desnatado, iogurte e queijo cottage. Altos níveis de gordura podem sobrecarregar os rins e piorar a pielonefrite crônica.

Em segundo lugar, vale a pena evitar produtos lácteos muito ácidos, que podem irritar os rins e piorar sua funcionalidade. Por exemplo, Crouton, Ryazhenka e Creme Source podem ser muito ácidos, portanto, seu uso deve ser limitado.

No entanto, iogurte e kefir com baixo teor de gordura podem ser benéficos para a saúde renal em pielonefrite crônica. Eles contêm probióticos benéficos que podem ajudar a aumentar o sistema imunológico e apoiar a saúde nos rins.

Portanto, na pielonefrite crônica, os produtos lácteos podem ser benéficos, mas vale a pena escolher opções com restrições de gordura e acidez em mente. Preste atenção à sua dieta e escolha alimentos menos estressantes para a condição renal.

Produtos proteicos e pielonefrite crônica

A pielonefrite crônica é uma doença dos rins quando são submetidos a inflamação por um longo período de tempo. Um regime alimentar rigoroso é um componente importante do tratamento da pielonefrite. Um dos elementos mais importantes da dieta são os alimentos proteicos.

A proteína é essencial para manter o sistema imunológico e a saúde do tecido. No entanto, com pielonefrite, você precisa observar a quantidade de proteína necessária para entrar no corpo. Além disso, não apenas a quantidade de proteína é importante, mas também sua qualidade.

O que você pode comer:

  • Alimentos do mar: camarão, mexilhões, lula e peixe como salmão, cavala, atum, etc.
  • Cereais de proteínas: trigo sarraceno, milho, aveia
  • Vegetais e frutas proteínas: aspargos, brócolis, abacate, ervilhas
  • Produtos lácteos: queijo cottage, iogurte, kefir, ryazhenka
  • Ovos cozidos ou na forma de uma omelete

O que evitar:

  • Carne frita e peixe
  • Banha e carne defumada
  • Salsichas
  • Comida enlatada
  • Queijo cottage com alto teor de gordura e produtos lácteos

Não se esqueça de que a quantidade ideal de proteínas, durante o dia não deve exceder 60 a 80 gramas por dia para um adulto.

Frutos do mar e peixes na dieta com pielonefrite crônica

O que posso comer?

Frutos do mar e peixes são uma fonte de proteína e aminoácidos essenciais necessários para manter a saúde nos rins. No entanto, com a pielonefrite, é necessário limitar a ingestão de gordura e sal, para que os peixes sejam o mais magros possível e frutos do mar – frescos.

Os produtos permitidos incluem:

  • Vieiras e mexilhões
  • Camarão e lagostins
  • Peixe salmonídeo (por exemplo, truta ou omul)
  • Baixo do mar e bacalhau
  • Lula e polvo

O que devo limitar?

Os frutos do mar fumados e salgados devem ser evitados. Também é aconselhável limitar o consumo de peixes enlatados e frutos do mar, pois eles contêm muito sal.

Cozinhar peixes e frutos do mar devem ser realizados da maneira mais simples possível – ferva, asse ou ensopado sem adicionar óleo. Evite fritar e fumar.

Que benefícios eles trazem?

Frutos do mar e peixes são uma fonte de nutrientes valiosos, como ferro, iodo e ácidos graxos ômega-3. Eles também aumentam a imunidade e ajudam a combater a inflamação no corpo.

A inclusão de frutos do mar e peixes magros na dieta para pielonefrite crônica pode ajudar a melhorar a saúde nos rins e melhorar a qualidade de vida do paciente.

Óleos e gorduras vegetais na dieta em pielonefrite crônica

A escolha das gorduras é muito importante na pielonefrite crônica, especialmente se você estiver acima do peso, possui colesterol alto ou outras condições de saúde. Os óleos vegetais são mais saudáveis e mais benéficos em comparação com as gorduras animais. Evite alimentos fritos e carnes gordurosas, pois elas podem aumentar a tensão nos rins.

Você pode usar os seguintes óleos vegetais para pielonefrite crônica: azeite, óleo de milho, óleo de girassol, óleo de linhaça. Eles contêm ácidos graxos saudáveis que podem ajudar a diminuir o colesterol e fortalecer o sistema imunológico.

É importante lembrar que os óleos vegetais também contêm calorias; portanto, não exagere na quantidade. Uma colher de sopa de petróleo por dia é suficiente para obter todos os nutrientes necessários. Escolha óleos prensados a frio, pois contêm menos toxinas e retenha mais nutrientes.

  • Azeite: rico em ácidos graxos monoinsaturados que ajudam a proteger o sistema cardiovascular. Também pode ajudar a reduzir a inflamação no corpo.
  • Óleo de milho e girassol: contêm ácidos graxos poliinsaturados, que são importantes para o crescimento e desenvolvimento do corpo, bem como para a saúde cardiovascular.
  • Óleo de linhaça: rico em ácidos graxos ômega-3 que ajudam a diminuir o colesterol, fortalecer o sistema imunológico e melhorar a saúde da pele e do cabelo.

Lembr e-se de que escolher os óleos e gorduras certos pode ajudar a melhorar sua saúde com pielonefrite crônica. Consulte seu médico ou nutricionista para desenvolver uma dieta personalizada que atenda às suas necessidades.

Regime de bebida para pielonefrite crônica

A pielonefrite crônica é uma doença renal na qual os tecidos renais ficam inflamados e morrem com o tempo. Para manter a saúde renal e impedir uma recorrência de pielonefrite, você precisa prestar atenção ao seu regime de bebida.

A ingestão diária de fluidos deve ser de pelo menos 2 litros. A água pode ser substituída por caldo com baixo teor de gordura, sucos espremidos na hora, Kissel, cenoura e sucos de abóbora, além de chá verde. Mas café, bebidas carbonatadas, álcool e sucos de frutas concentrados devem ser evitados.

Uma boa maneira de garantir um regime de bebida é distribuir fluidos em partes iguais ao longo do dia. Recomend a-se beber pelo menos 8 copos de fluidos ao longo do dia. A melhor maneira é incluir saladas de vegetais e frutas em sua dieta. Não se esqueça que, na forma aguda de pielonefrite, o líquido deve ser bêbado muito mais – cerca de 3-4 litros por dia.

  • Benefícios dos fluidos de consumo: o regime de consumo na pielonefrite crônica ajuda a se livrar de toxinas e toxinas, reduzir o risco de exacerbações recorrentes, manter os níveis de glicose no sangue, melhorar o metabolismo e a função intestinal.
  • Regras para beber fluidos: é recomendável beber água e outros líquidos em pequenas porções ao longo do dia, favorecer bebidas com baixa caloria e evitar álcool e bebidas com alto teor de açúcar.

Seguir as regras do regime de bebida é uma medida simples e importante para a prevenção da pielonefrite crônica. Você não deve esquecer, porque a saúde dos rins está diretamente relacionada à saúde geral do nosso corpo.

Alimentos a serem evitados na pielonefrite

Alimentos a evitar na pielonefrite

A pielonefrite crônica é uma doença que requer uma abordagem especial da nutrição. Existem certos alimentos que devem ser excluídos da dieta de um paciente com pielonefrite, pois podem agravar os sintomas e causar uma exacerbação da doença.

  • Alimentos salgados e fritos – afeta negativamente o funcionamento dos rins e pode causar inchaço.
  • Café e outras bebidas contendo cafeína – elas aumentam a pressão arterial e pioram a função renal.
  • Álcool – afeta negativamente a função renal e pode piorar os sintomas da pielonefrite.
  • Alimentos gordurosos – Eles podem elevar os níveis de colesterol no sangue e causar problemas renais.
  • Picles e alimentos enlatados – eles são ricos em sal e ameaçam a função renal.
  • Condimentos e molhos picantes – eles podem irritar as membranas mucosas do trato urinário.

Evitar esses produtos tem um efeito positivo na condição de um paciente com pielonefrite crônica. É importante monitorar a dieta, reduzir o consumo de proteínas animais e aumentar a quantidade de vegetais e frutas na dieta.

Produtos salgados e defumados

Na pielonefrite crônica, é importante evitar a ingestão excessiva de sal, o que pode piorar a condição de saúde. Portanto, vale a pena limitar o consumo de alimentos salgados e defumados, como salsicha, nozes salgadas ou peixes.

Os alimentos defumados também podem conter muitos conservantes que podem afetar negativamente os rins. Eles também podem ser ricos em calorias e ricos em gordura, o que pode levar à obesidade, o que é um fator de risco para o desenvolvimento de pielonefrite crônica.

Em vez de alimentos salgados e defumados, uma dieta que consiste em frutas e vegetais frescos, laticínios com baixo teor de gordura, peixe magro e carne e gorduras saudáveis, como o azeite, é frequentemente recomendado.

É importante lembrar que a nutrição desempenha um papel importante no tratamento da pielonefrite crônica. Portanto, é importante evitar alimentos prejudiciais e comer uma dieta saudável para reduzir o risco de exacerbação e complicações.

Alimentos fritos em pielonefrite crônica: o que você precisa saber

O que é melhor evitar

Os alimentos fritos podem piorar significativamente a condição na pielonefrite crônica. Durante o processamento a altas temperaturas, frango, carne, peixe e outros alimentos criam substâncias nocivas, como acetaldeído, acroleína, glioxal, aminoguanidina, que podem danificar os rins e piorar os sintomas da doença.

Além disso, cozinhar alimentos fritos usa óleo, o que pode afetar negativamente os rins.

O que você pode comer

No entanto, nem todos os alimentos fritos devem ser rejeitados por pacientes com pielonefrite crônica. Alguns alimentos cozidos em uma panela sem óleo ou com apenas um pouco de óleo podem ser permitidos em quantidades razoáveis.

Esses alimentos incluem, por exemplo, vegetais, ovos que podem ser cozidos em uma panela sem óleo ou peixe que pode ser assado no forno.

Recomendações

  • Evite alimentos fritos, que geralmente são cozidos em muito óleo;
  • Escolha métodos alternativos de cozimento, como assar alimentos no forno;
  • Evite pratos de pele de frango frito ou costela, pois geralmente são ricos em gordura e sal;
  • Lembr e-se de que, com qualquer método de culinária, a alimentação moderada é essencial para a saúde renal.

Em geral, com pielonefrite crônica, você deve evitar alimentos fritos e gordurosos e não usar demais as proteínas animais. Uma dieta renal saudável geralmente inclui muitos vegetais, frutas, verduras e pequenas quantidades de proteínas e carboidratos.

Comer demais e alimentos gordurosos na dieta para pielonefrite crônica

Comer demais:

O comércio excessivo pode ter um impacto negativo na saúde renal, especialmente na pielonefrite crônica. Comer demais coloca mais tensão nos rins, o que pode agravar sua condição. Além disso, o excesso de comer pode aumentar o ganho de peso, o que também pode afetar negativamente a função renal.

Comidas gordurosas:

Os alimentos gordurosos também devem ser eliminados da dieta para pielonefrite crônica. Os alimentos gordurosos podem aumentar a tensão nos rins e piorar a condição dos rins já afetados pela infecção. Além disso, os alimentos gordurosos podem levar ao ganho de peso, o que também afetará negativamente os rins.

Em vez de alimentos gordurosos, é recomendável consumir alimentos proteicos, como carne de frango, peixe, legumes e ovos. Também é importante monitorar sua ingestão de sal e controlar a quantidade de fluido que você consome. Isso ajudará a reduzir a tensão nos rins e os manterá funcionando.

Vídeo sobre o assunto:

Q & amp; A:

O que posso comer na pielonefrite crônica?

Recomenda-se comer mais frutas e vegetais, laticínios com baixo teor de gordura, proteína (peixe, carne), mingau de aveia, farelo de trigo, chá verde, sucos espremidos recém-espremidos de calamus e groselha preta.

Que álcool é permitido na pielonefrite crônica?

Todos os tipos de álcool não são recomendados para a pielonefrite crônica, pois o álcool pode aumentar a carga nos rins e causar uma exacerbação da doença.

O que não deve ser comido com pielonefrite crônica?

É necessário limitar o consumo de produtos de farinha, açúcar, carnes defumadas, pratos gordurosos e fritos, pão branco, alimentos enlatados, salsichas, cogumelos, chá forte e café.

Posso comer alimentos salgados em pielonefrite crônica?

Os produtos salgados podem piorar a condição na pielonefrite crônica, por isso é desejável exclu í-los da dieta ou limitar seu consumo.

Que tipo de regime de bebida é necessário na pielonefrite crônica?

O regime de bebida na pielonefrite crônico deve ser regular, pelo menos 2 litros de água por dia. Recomend a-se preferir água mineral sem gás e água pura.

É possível consumir frutos do mar em pielonefrite crônica?

Os frutos do mar podem ser benéficos para o corpo, mas seu consumo deve ser limitado, pois eles podem conter substâncias nocivas para os rins e contribuir para a formação de pedras.

Que vitaminas e minerais são recomendados para pielonefrite crônica?

Para manter a saúde nos rins e fortalecer o sistema imunológico, você deve tomar vitaminas B, vitamina C, E, bem como magnésio e potássio.

Qual é o regime alimentar recomendado para a pielonefrite crônica?

A nutrição na pielonefrite crônica deve ser regular, em pequenas porções, pelo menos 5 vezes ao dia. Você não deve pular refeições e comer demais.

Dieta em pielonefrite crônica: o que você pode e não pode comer

Doces e álcool

Monitore cuidadosamente o conteúdo de açúcar e álcool em produtos é obrigatório para pacientes com pielonefrite crônica. As bebidas doces e alcoólicas podem ter um impacto negativo na função renal e causar uma exacerbação da doença.

Se você não pode ficar sem doces, vale a pena dar preferência a frutas e frutas, controlar o uso de mel e outros aditivos doces.

No que diz respeito ao álcool, seu uso deve ser minimizado e somente após a consulta com o médico assistente. A cerveja é particularmente prejudicial aos rins, pois contém grandes quantidades de purinas e colinas.

  • Os alimentos doces, incluindo doces, tortas e biscoitos, devem ser limitados.
  • Frutas e frutas podem servir como substituto para alimentos doces.
  • O consumo de álcool deve ser minimizado, especialmente a cerveja.

A seguir, recomendações alimentares é um componente importante do tratamento complexo da pielonefrite crônica. A limitação do consumo de doces e álcool ajudará a reduzir a carga nos rins e reduzir o risco de exacerbação da doença.

Perspectivas para o desenvolvimento de dietética em pielonefrite crônica

Importância da dieta na pielonefrite crônica

A pielonefrite crônica é uma inflamação crônica dos rins que pode levar a várias complicações. Um dos fatores importantes no tratamento da pielonefrite crônica é a dieta alimentar. Você precisa ter certeza de que sua dieta fornece ao corpo os nutrientes necessários para apoiar a saúde renal e reduzir o risco de complicações.

Abordagens atuais da dietética na pielonefrite crônica

O desenvolvimento de uma dieta eficaz para a pielonefrite crônica é uma questão atual e, como resultado, uma área em evolução da dietética. As abordagens atuais em dietética na pielonefrite crônica envolvem o uso de diversas técnicas como dieta individualizada, dieta balanceada e controle calórico.

Dieta individualizada

Uma dieta individualizada é uma abordagem em que as refeições são adaptadas a cada paciente. Por exemplo, pessoas com pielonefrite crônica podem receber prescrição de uma dieta pobre em proteínas. Essa dieta pode ajudar a reduzir a pressão sobre os rins e o risco de complicações.

Dieta balanceada

É importante que a dieta seja equilibrada e contenha todos os nutrientes essenciais, incluindo proteínas, gorduras e carboidratos. Uma dieta bem balanceada para pielonefrite crônica pode ajudar a manter a saúde renal.

Controle de calorias

Na pielonefrite crônica, o controle calórico também é um aspecto importante da dieta. Ser magro pode sobrecarregar ainda mais os rins e o excesso de peso aumenta o risco de desenvolver complicações. O controle de calorias pode ajudá-lo a atingir um peso saudável e reduzir a pressão sobre os rins. De modo geral, a dietética moderna na pielonefrite crônica está evoluindo, abrindo novas perspectivas para diagnóstico e tratamento. O desenvolvimento de dietas eficazes pode desempenhar um papel importante no tratamento e prevenção da pielonefrite crónica.