Como diagnosticar perda auditiva de adultos: métodos e recomendações básicas

Aprenda tudo sobre triagem auditiva para adultos: quais métodos são usados, quais doenças podem levar à perda auditiva, que sintomas procurar. Obtenha dicas sobre como manter sua audição saudável e seu humor saudável.

A audição é uma parte importante da vida de todos, pois muitos de nossos arredores desempenham um papel importante em nosso funcionamento diário. No entanto, mais e mais pessoas estão sofrendo de problemas auditivos devido a idade ou outros motivos.

Quando notamos uma deterioração em nossa audiência, o primeiro passo deve ser consultar um especialista. O diagnóstico auditivo é um passo importante para examinar um paciente e determinar medidas adicionais de tratamento. Neste artigo, examinaremos os principais métodos de diagnóstico auditivo e daremos algumas recomendações sobre como realizar um teste auditivo adequado em adultos.

Um teste de audição adequado é uma etapa essencial para garantir o tratamento mais eficaz e impedir a perda auditiva adicional. Os dados obtidos ajudarão o médico a personalizar as táticas de tratamento apropriadas e evitar o desenvolvimento de complicações. Portanto, é importante entender os métodos usados para diagnosticar a audição e o significado dos resultados.

Contents
  1. Como diagnosticar a audição em adultos: métodos e recomendações
  2. Exame inicial
  3. Audiometria
  4. Magnetoencefalografia
  5. Dicas para preservar sua audição
  6. Vídeo sobre o assunto:
  7. Fundamentos da Audiologia
  8. Sinais de perda auditiva em adultos
  9. Q & amp; A:
  10. Quais sintomas podem indicar problemas auditivos?
  11. Com que idade é recomendável iniciar uma avaliação auditiva?
  12. Quais métodos estão disponíveis para diagnosticar a audiência?
  13. O que é Audiometria e como é executado?
  14. Um teste de audição pode ser doloroso?
  15. Que doenças podem causar perda auditiva?
  16. Posso diagnosticar problemas auditivos por conta própria?
  17. O que devo fazer se os resultados dos diagnósticos auditivos mostrarem anormalidades?
  18. Métodos de teste auditivo
  19. A avaliação da audiometria resulta em adultos
  20. Audiograma e seus componentes
  21. Analisando o audiograma
  22. Métodos reflexos condicionais no diagnóstico de audição em adultos
  23. Descrição do método
  24. Instruções para o paciente
  25. Testes auditivos centrais no diagnóstico de adultos
  26. Eficácia de um diagnóstico auditivo central
  27. Diagnóstico diferencial
  28. Recomendações antes de um teste de audição para adultos
  29. Preparand o-se para um teste de audição
  30. 1. Deix e-nos saber se você tiver um problema auditivo
  31. 2 Evite lugares barulhentos e o uso de fones de ouvido antes do exame
  32. 3. Realizar procedimentos de higiene
  33. 4 Identifique sua questão principal para o especialista
  34. 5. Não beba álcool ou café antes do exame
  35. Como é realizado o diagnóstico de audição em adultos
  36. Métodos básicos
  37. Recomendações
  38. Recomendações após um diagnóstico auditivo
  39. Quando ver um médico sobre perda auditiva
  40. Como cuidar de aparelhos auditivos
  41. Como melhorar sua audição com exercícios
  42. Métodos terapêuticos existentes para restaurar sua audição

Como diagnosticar a audição em adultos: métodos e recomendações

Exame inicial

Um exame auditivo inicial pode ser realizado por qualquer médico, não apenas um especialista no campo. Os métodos comuns incluem o uso de fones de ouvido e núcleos para determinar o que soa que o paciente ouve. O médico também pode realizar um teste de sussurro, fazendo perguntas ao paciente para determinar como os sons altos precisam ser para serem ouvidos.

Você tem alguma alergia aos medicamentos?

Audiometria

Audiometria

A audiometria é um método mais preciso de diagnóstico auditivo realizado por centros especializados. Durante um teste audiométrico, o paciente é solicitado a colocar fones de ouvido e ouvir sons de diferentes volumes, frequência e duração. Os resultados deste teste podem determinar a precisão da audição do paciente e identificar possíveis problemas no ouvido.

Magnetoencefalografia

A magnetoencefalografia é um método de diagnóstico auditivo de alta tecnologia que pode determinar a localização exata do mau funcionamento do aparelho auditivo de uma pessoa. Este método usa campos magnéticos para criar uma imagem da atividade cerebral relacionada à audição.

Dicas para preservar sua audição

Além de diagnosticar sua audiência, é importante cuidar de preserv á-la. Siga as diretrizes simples: Proteja seus ouvidos Ao trabalhar com instrumentos ou músicas altas, use fones de ouvido ao ouvir música, monitorar a pressão do ouvido ao voar e outras situações semelhantes. Além disso, lembr e-se de que as verificações regulares de saúde auditiva podem ajudar a identificar os problemas mais cedo.

Vídeo sobre o assunto:

Fundamentos da Audiologia

Audiologia é a ciência da saúde auditiva e a prevenção da perda auditiva. Envolve entender a anatomia e a função do ouvido, fisiologia do sistema nervoso, princípios acústicos e técnicas de medição.

Um aspecto importante da audiologia é o diagnóstico e o tratamento de distúrbios auditivos. Os distúrbios auditivos podem se manifestar em qualquer nível, do ouvido ao cérebro, e podem ser causados por vários fatores, como distúrbios genéticos, trauma, infecção e envelhecimento.

A Audiology usa uma variedade de métodos para diagnosticar distúrbios auditivos, incluindo audiometria, temperatura, potenciais evocados e outros. Os resultados desses testes ajudam a determinar o nível e o tipo de perda auditiva, que por sua vez ajudam a determinar o método de tratamento mais eficaz.

Um aspecto importante da audiologia é a prevenção da perda auditiva, que inclui proteger seus ouvidos contra ruído, tomar medicamentos prescritos pelo seu médico, testes de audição regulares e um estilo de vida saudável em geral.

Sinais de perda auditiva em adultos

A perda auditiva é um problema comum em adultos que podem ocorrer simplesmente devido ao envelhecimento ou devido à disfunção do ouvido interno, bem como ao tratamento inadequado ou prematuro das condições relacionadas às passagens do ouvido.

Os principais sinais de perda auditiva em adultos são os seguintes: Dificuldade em entender o discurso em salas barulhentas, reação menos responsiva às conversas, a necessidade de repetir a mesma frase ou palavra várias vezes, toque nítido ou batendo nas orelhas, zumbido, som periódico de sobreposição periódica.

Além disso, também existem outros sintomas que podem indicar perda auditiva em adultos. Os indivíduos podem se sentir muito cansados quando o dia termina, sentind o-se que a TV ou o rádio está correndo alto, precisando aumentar o volume para ouvir e evitando atividades sociais que envolvam a participação nas conversas em grupo.

Se você notar esses sinais em si mesmo, verá um profissional de assistência auditiva para diagnosticar sua condição. Os otorrinolaringologistas podem prescrever um curso de tratamento ou recomendar próteses de aparelhos auditivos para abordar as causas da sua perda auditiva.

Q & amp; A:

Quais sintomas podem indicar problemas auditivos?

Deterioração da audição, dificuldade em ouvir o discurso, zumbido, sentimento de ouvidos abafados, tontura, coordenação prejudicada de movimentos, distúrbios do sono.

Com que idade é recomendável iniciar uma avaliação auditiva?

O primeiro teste de audição é recomendado entre 18 e 21 anos, a cada 10 anos até os 50 anos e depois anualmente depois.

Quais métodos estão disponíveis para diagnosticar a audiência?

Audiometria, tomografia, métodos eletrofisiológicos, avaliação do nível de sensibilidade sonora, medição de condução de ondas sonoras, diagnóstico clínico-funcional computadorizado.

O que é Audiometria e como é executado?

Audiometria é um método de diagnóstico de audiência, na qual o paciente é oferecido para ouvir sons de diferentes volumes e altura. Ele é realizado com a ajuda de um dispositivo especial – o audiômetro, que define os limites da audição saudável e determina o grau de seu prejuízo.

Um teste de audição pode ser doloroso?

Os testes auditivos não são dolorosos. Alguns métodos podem ser um pouco desagradáveis ou desconfortáveis, porque envolvem expor o ouvido a ondas sonoras ou uma corrente elétrica fraca.

Que doenças podem causar perda auditiva?

Infecções, lesões, tumores, hereditariedade, mudanças relacionadas à idade, exposição ao ruído, uso de certos medicamentos, exposição a substâncias tóxicas.

Posso diagnosticar problemas auditivos por conta própria?

Não, para um diagnóstico preciso, é necessário ver um otorrinolaringologista e passar por um teste de diagnóstico.

O que devo fazer se os resultados dos diagnósticos auditivos mostrarem anormalidades?

É necessário seguir as recomendações do médico, que podem incluir prescrição de tratamento, uso de aparelhos auditivos, medidas preventivas para evitar a deterioração da audição.

Métodos de teste auditivo

Existem vários métodos básicos que são usados no diagnóstico de função auditiva. Métodos comumente aceitos incluem audiometria, teste de imitância, testes fonéticos e outros.

  • Audiometria é um método no qual o paciente é solicitado a ouvir um som de volume e frequência variados. O técnico atribui limiares de tom nos quais o paciente pode ouvir o som e plota os limites de som para cada orelha.
  • A imitanceometria é um método que avalia o desempenho do ouvido médio. Com a ajuda de um imitansômetro, o especialista verifica a condição do tímpano, bem como os reflexos de jato.
  • O teste fonético é um método no qual o paciente é oferecido para ouvir as palavras ditas pelo especialista. Dependendo da precisão do paciente, o paciente ouve as palavras, conclusões podem ser tiradas sobre a condição do sistema auditivo do paciente.

Cada método tem suas próprias vantagens e limitações, dependendo dos objetivos e objetivos do teste auditivo. Na maioria das vezes, vários métodos são usados simultaneamente para diagnosticar a função auditiva, a fim de obter a imagem mais completa do sistema auditivo.

A avaliação da audiometria resulta em adultos

Audiograma e seus componentes

Audiograma e seus componentes

Um audiograma é uma representação gráfica dos resultados de um teste de audiometria no qual a frequência em Hertz é plotada no eixo da abscissa e o nível de pressão sonora em decibéis no eixo das ordenadas.

Existem dois tipos de audiogramas: audiogramas de ar e osso. Um audiograma aéreo reflete a condução do som através do ar do canal da orelha externa, os tímpanos e a orelha como um todo. Um audiograma ósseo exibe a vibração dos ossos do crânio, que pode ser útil no diagnóstico de distúrbios do ouvido interno.

As zonas de limiar de audiência a seguir são comumente identificadas em um audiograma:

  • Audição normal – o limiar de sensibilidade está entre 0-20 dB;
  • Perda auditiva moderada – o limite está entre 21-40 dB;
  • Perda auditiva significativa – o limiar está entre 41-70 dB;
  • Perda auditiva profunda – O limiar de sensibilidade está acima de 71 dB.

Analisando o audiograma

Ao analisar o audiograma, os resultados da condução do ar e da condução óssea devem ser avaliados. Se o limiar de sensibilidade à condução do ar for maior que o limiar de condução óssea, isso indica danos ao canal auditivo externo ou à membrana timpânica (perda auditiva condutora). Se a condução óssea for maior que a condução do ar, indica danos ao ouvido interno (perda auditiva perceptiva).

Também é importante considerar a simetria da perda auditiva entre a orelha esquerda e direita ao avaliar um audiograma, bem como vários outros fatores, como forma de curva, linearidade e outros.

Métodos reflexos condicionais no diagnóstico de audição em adultos

Descrição do método

Descrição do método

O método reflexo condicionado é uma técnica baseada na medição do tempo de reação do paciente em um estímulo sonoro. Durante o estudo, o paciente é apresentado com um sinal sonoro de uma certa frequência e intensidade, após o qual o tempo que ele leva para reagir ao sinal é registrado. Vantagens do método Uma das principais vantagens do método de reflexos condicionados é a alta sensibilidade e precisão dos resultados do estudo. Além disso, esse método não é invasivo e não causa desconforto ao paciente. Além disso, o método reflexo condicionado pode ser usado para diagnosticar diferentes tipos de perda auditiva.

  • Tente ser o mais relaxado possível durante o teste;
  • Não se esqueça de notificar seu médico de possíveis contr a-indicações para esse método;
  • Siga todas as recomendações do especialista para obter resultados de alta qualidade;

Instruções para o paciente

No processo de realização de diagnósticos auditivos pelo método de reflexos condicionais, o paciente deve seguir várias recomendações:

  1. Em repouso, ouça cuidadosamente as instruções do especialista e faça todas as perguntas;
  2. Se você sentir algum desconforto, informe o médico;
  3. Durante todo o exame, você deve permanecer calmo e não se distrair com sons estranhos;
  4. Responda a todas as perguntas do médico de maneira aberta e clara, a fim de obter o diagnóstico mais preciso possível.

Testes auditivos centrais no diagnóstico de adultos

Eficácia de um diagnóstico auditivo central

O diagnóstico auditivo central é um procedimento obrigatório em uma avaliação auditiva abrangente de adultos. Permite a detecção de distúrbios relacionados ao processamento de informações sonoras no cérebro. Os distúrbios da audição central podem causar dificuldades na compreensão da fala e do timbre dos sons, especialmente em ambientes barulhentos. Estudos acústicos Um método de examinar a audição central é realizar estudos acústicos. Durante este estudo, os médicos usam equipamentos especiais que lhes permitem determinar o nível de audibilidade, bem como a adivinhação da fala em um determinado nível de ruído.

  • Método para avaliar a adivinhação da fala
  • Método para avaliar o tempo de reação para estímulos sonoros
  • Método para determinar o nível de percepção da fala em condições de ruído

Métodos neurofisiológicos Além de estudos acústicos, os médicos também podem realizar estudos neurofisiológicos para avaliar a audiência central. Eles podem identificar anormalidades na capacidade do sistema nervoso de processar sinais sólidos. Tais métodos incluem:

  1. Eletroencefalografia (EEG)
  2. magnetoencefalografia (MEG)
  3. Ressonância magnética de difusão anisotrópica (ADMR)

Vários métodos de teste auditivo central fornecem informações adicionais sobre a condição do sistema auditivo como um todo. Recomend a-se passar por um exame abrangente para obter a imagem mais completa da saúde do sistema auditivo.

Diagnóstico diferencial

No processo de diagnóstico de perda auditiva em adultos, é importante não apenas determinar a presença de comprometimento, mas também fazer um diagnóstico diferencial adequado entre diferentes tipos de perda auditiva.

Vários métodos podem ser usados, como audiometria, timpanometria e teste de impedância acústica. A Audiometria avalia o nível de audibilidade de sons de diferentes frequências e identifica a presença de perda auditiva emural ou condutiva. A timpanometria e a impedância acústica permitem avaliar o trabalho do ouvido como um todo, observar a presença de dificuldades na transmissão do som e identificar a presença de mudanças nas estruturas da membrana timpânica, o que pode indicar a possibilidade de audição condutoraperda.

Dessa maneira, um diagnóstico abrangente pode determinar com precisão o tipo de perda auditiva e prescrever o tratamento apropriado.

Recomendações antes de um teste de audição para adultos

Recomend a-se evitar atividades físicas e álcool por alguns dias antes do diagnóstico. Isso pode afetar negativamente os resultados do teste e distorcer os dados.

Também é aconselhável evitar lugares barulhentos e barulhos altos antes do teste, a fim de preservar a sensibilidade do aparelho auditivo. É importante informar o médico sobre todas as doenças e medicamentos anteriores.

É importante ser o mais relaxado e calmo possível durante o teste de audição, pois o estresse e o nervosismo podem afetar os resultados dos testes. É importante manter seus canais de ouvido limpos e livres de cera.

  • Evite atividade física e álcool por alguns dias antes do diagnóstico
  • Evite lugares ruidosos e barulhos altos antes do diagnóstico
  • Conte ao médico sobre todas as doenças e medicamentos anteriores.
  • Ficar relaxado e calmo antes do início dos testes
  • Mantenha seus canais de ouvido limpos

Seguindo essas diretrizes, você pode obter os resultados mais precisos dos testes de audição para adultos e saber se há ou não um problema no sistema de áudio do seu corpo.

Preparand o-se para um teste de audição

1. Deix e-nos saber se você tiver um problema auditivo

Se você tiver dificuldade em ouvir, não hesite em informar seu médico. Ele ou ela poderá avaliar sua condição e fornecer a ajuda que você precisa.

2 Evite lugares barulhentos e o uso de fones de ouvido antes do exame

Se possível, evite lugares barulhentos e abaixe o volume de música em fones de ouvido alguns dias antes do teste auditivo. Isso ajudará você a obter os resultados mais precisos.

3. Realizar procedimentos de higiene

Antes do exame, a limpeza do ouvido desempenha um papel. Realize uma rotina de higiene para remover o excesso de cera e outras substâncias deles.

4 Identifique sua questão principal para o especialista

É importante determinar quais informações você espera aprender a se preparar melhor para o exame. Formule sua principal pergunta para o médico, o que o ajudará a obter uma resposta mais completa e precisa.

5. Não beba álcool ou café antes do exame

Álcool e café podem interferir no funcionamento normal das estruturas da orelha, causando zumbido, distorção sonora e outros problemas que podem complicar o teste auditivo. É melhor recusar.

Como é realizado o diagnóstico de audição em adultos

Métodos básicos

Vários métodos são usados para diagnosticar a audição em adultos, incluindo:

  • Audiometria – audiência de teste em diferentes frequências;
  • Timpanometria – Medição de alterações no tambor da orelha durante um sinal sonoro;
  • Reflexometria – Estudando a resposta dos músculos da orelha a estímulos sonoros;
  • Métodos eletrofisiológicos – medindo a atividade elétrica do ouvido em resposta a um estímulo sonoro;
  • Testes de fala – testando a capacidade do paciente de entender e pronunciar palavras.

Recomendações

Antes de iniciar um teste de audição, você deve se preparar. É importante garantir que o médico conheça as informações médicas e anamnestic do paciente. Também é importante não realizar o teste quando o paciente está cansado, estressado ou bebendo álcool.

Para obter os resultados mais precisos, o paciente deve seguir as instruções do médico e fornecer o máximo de informações detalhadas possível sobre os sintomas e possíveis causas de problemas auditivos.

No geral, a triagem auditiva adequada em adultos pode ajudar a evitar problemas auditivos futuros e melhorar a qualidade de vida. É importante ver um otorrinolaringologista experiente e manter o monitoramento auditivo regular.

Recomendações após um diagnóstico auditivo

Se um diagnóstico revelar perda auditiva, é importante consultar um especialista para determinar o curso apropriado do tratamento. Existem várias maneiras de corrigir a perda auditiva:

  • O uso de aparelhos auditivos. Eles ajudam a melhorar a percepção dos sons e permitem que o paciente viva uma vida completa.
  • Tratamento de medicamentos. Se a causa da perda auditiva estiver nas doenças do ouvido, apenas a terapia medicamentosa pode ajudar.
  • Intervenção cirúrgica. É possível que a perda auditiva seja devido a uma deformação da orelha ou dano às estruturas do ouvido interno. Nesse caso, a cirurgia é necessária.

Depois que um diagnóstico foi feito, recomend a-se que seja dada atenção à redução do risco de perda auditiva futura. Isso pode ser realizado através das seguintes medidas:

  • Evitando sons altos na vida cotidiana.
  • Check-ups regulares com um especialista para evitar doenças do ouvido.
  • Usando dispositivos de proteção especiais (fones de ouvido, fones de ouvido com microfone) ao trabalhar em ambientes barulhentos.
  • Exercitando os ouvidos realizando exercícios de ginástica especiais

Se a perda auditiva ou a perda auditiva for causada por fatores externos (ruído no trabalho, produtos químicos etc.), é necessário resolver o problema com seus empregadores e autoridades para tomar medidas para melhorar as condições de trabalho.

Quando ver um médico sobre perda auditiva

Existem vários sinais que podem indicar problemas auditivos e exigir atenção médica. Um dos sintomas mais comuns é um zumbido constante nas orelhas ou a aparência de um ruído que não para. Se essas sensações não desaparecerem dentro de alguns dias, um médico deve ser chamado.

Outro sinal de problemas auditivos pode ser uma diminuição na compreensão do discurso dos outros. Se você costuma perguntar à pessoa com quem está falando para repetir suas palavras ou pedir que eles falem mais alto, isso também pode ser um sinal de perda auditiva.

Além disso, se você perceber que começou a ligar a televisão ou o rádio com mais frequência e seus próprios sons de fala estão sacudindo em sua cabeça, isso também pode ser um sinal de problemas auditivos. Se for esse o caso, consulte seu médico ou otorrinolaringologista para um diagnóstico e para determinar a causa desses sintomas.

Finalmente, as pessoas que estão regularmente expostas a sons altos, como músicos ou trabalhadores da construção civil, também têm frequentemente problemas auditivos. Se você sentir que sua audição começou a piorar apesar do uso de proteção, consulte um profissional imediatamente.

Não deixe sua saúde em espera. A audição é um dos órgãos humanos mais importantes e os problemas auditivos podem reduzir significativamente a sua qualidade de vida. Ao consultar um fonoaudiólogo precocemente, os problemas podem ser diagnosticados mais cedo e o tratamento pode ser selecionado adequadamente.

Como cuidar de aparelhos auditivos

Os aparelhos auditivos são dispositivos que requerem cuidados e manutenção constantes para mantê-los funcionando da melhor forma.

Antes de começar a cuidar de seus aparelhos auditivos, leia as instruções que acompanham o dispositivo para ter certeza de que está adotando a abordagem correta para cuidar dele.

Primeiro, limpe seus aparelhos auditivos de contaminantes externos, como cera ou poeira, usando as ferramentas especiais que acompanham o dispositivo.

Além disso, troque as baterias regularmente para que elas não falhem e causem a quebra do aparelho auditivo.

  • Não jogue os aparelhos auditivos no lixo, pois eles podem conter produtos químicos nocivos.
  • Guarde seus aparelhos auditivos em seu estojo para protegê-los contra danos e poeira.
  • Não mergulhe seus aparelhos auditivos em água ou outros líquidos, pois isso pode causar danos permanentes.

Se você tiver algum problema com seu dispositivo, não hesite em entrar em contato com seu fonoaudiólogo para obter ajuda profissional com reparo ou manutenção de aparelhos auditivos.

Como melhorar sua audição com exercícios

Os exercícios auditivos ajudam a desenvolver a audição e a melhorar a percepção da fala. Eles também ajudam a reduzir a fadiga auditiva e a aumentar os níveis de concentração. Existem muitos exercícios diferentes que podem ser feitos em casa. Vamos dar uma olhada em alguns deles.

  • Ouvir música ativamente – escolha suas músicas favoritas e tente isolar cada instrumento, vocal e melodia da música. Isso melhorará sua compreensão auditiva e ajudará você a ouvir melhor o fluxo melódico da música.
  • Escuta passiva de conversas – peça a um amigo ou familiar que fale a distâncias diferentes de você e tente entender o que eles estão dizendo sem olhar para seus lábios.
  • Exercícios de frequência – Ouça frequências de som de baixo a alto e vic e-versa. Isso ajudará seus ouvidos a distinguir entre diferentes frequências e aumentar sua capacidade geral de distinguir sons.

Lembr e-se de que o exercício não substitui o tratamento auditivo, se você sofrer de algum problema auditivo, deve consultar um especialista.

Métodos terapêuticos existentes para restaurar sua audição

Existem várias opções de tratamento que são categorizadas em métodos de procedimento cirúrgico e não cirúrgico. Os métodos não cirúrgicos incluem o uso de equipamentos de áudio para melhorar a qualidade da audição ou do uso de elogios que sensibilizam os receptores auditivos.

Os procedimentos cirúrgicos são métodos de tratamento mais drásticos para várias anormalidades auditivas. Isso pode incluir a implantação de dispositivos eletrônicos que restauram a função auditiva liberando diretamente os impulsos no sistema nervoso auditivo.

Os resultados do tratamento variam de indivíduo para indivíduo e podem depender do grau de danos auditivos e da duração da perda auditiva. Portanto, recomend a-se consultar um otorrinolaringologista para tratamento individualizado.

Há também várias medidas preventivas que podem ajudar a manter seu sistema auditivo saudável. Isso pode incluir evitar estar em lugares barulhentos, usar fones de ouvido de proteção ao trabalhar com instrumentos altos e ter seus aparelhos auditivos verificados regularmente pelo seu médico.